23.7.08

Minha vida por um fio

Minha vida por um fio e eu aqui pesando nela

Na janela o sol não brilhou

o tempo fechou

Meus livros não falam a real e a ficção não mais me comove

A tv me aprisiona com coisas cafona e banal

O tempo parou ou estacionei no fim

Minha família me ama pelo dever de amar seu próprio sangue

Tudo que tenho neste mundo das coisas não é meu

Cada pessoa um mundo então de que mundo sou eu

Refletir não me trará solução

Insanidade ou indiferença

Nem sei

fecharei a janela

adormecerei minha sanidade

O tempo todo

Porque Minha vida por um fio e eu aqui

Da janela pesando nela

Negrum, 2008

Postar um comentário

Negr1 ft. Marreco_ jam session Eco Viva

https://m.youtube.com/watch?t=37s&v=CgaPuGC_aAQ Otus   tempos....