1.10.10

Eu gosto quando uma energia boa vem e me toma
Circular e ancestral é como gira o dia a galáxia e meu universo
Busco Ritos, ritmos e quase tudo é uma variante

A certeza é uma só
Buscar o melhor mesmo no breu onde não se encherga
Ser o Melhor pra si mesmo (e pra todos os seres)

Eu olho para traz e hoje começo notar
O tamanho de meu berço e como tão grande é o tempo
Igual à criança e vivendo já 3 decadas de vida
ainda estou aprendendo a ler
Sabemos que fomos varidos E apagada foi nossa historia
Os espíritos visitam nos sonhos dos homens
Herança das Etnias
Tribos da terra, do fogo, do ar e das águas

Não me vejo se não experiênciando as vezes num casulo
E Outras vezes por aí voando

Vendo que A natureza é grande
Múltipla e transcendentemente mutável

Meiga e cheia de perfume Você, de todo o meu jardim É a flor mais linda!